QUANDO O BOM SE TORNA MELHOR (Gênesis 1.31)

A palavra bem aparece seis vezes em nosso primeiro capítulo da Bíblia. Depois de seis “bons”, encontramos um “muito bom”.


I - CADA “BOM” QUE DEUS FEZ

O capítulo narra a criação do universo pelo que aprendemos algo do autor do universo. Deus fez a luz e a fez boa. Deus fez a terra e a fez boa. Deus criou a vegetação e a fez boa. Deus criou s animais e os fez bons. Deus fez (criou) o homem e o fez bom. Depois dessa imensidade de coisas boas, Deus viu conjunto do seu trabalho e era muito bom. Essa criação de Deus nos deve fazer humildes e fazer melhores do que somos.


II - VEJAMOS O QUE DE BOM O HOMEM FAZ


1. Em Provérbios 20.6 lemos: "Cada um da multidão apregoa a sua bondade; mas o homem fiel, quem achará?” Somos tendentes a exagerar em nossas bondades. Em uma viagem ouvia os comentários e essa afirmação de Provérbios me veio à mente.

2. O homem faz descobertas que são boas, mas a bondade da ciência está condicionada à própria limitação da ciência. Podem criar um artefato der valor, mas a ciência não cria uma borboleta, nem uma rosa perfumada, nem um apiário que produza mel legítimo.

3. Jeremias declara no capítulo 42 de seu livro"Vós enganastes as vossas almas" (v.20). E Isaias vai além para dizer (64.6).

4. Jesus diz que tudo quanto fizermos de bom ainda nos qualifica como servos inúteis (Lucas 17.10).


III - QUANDO NOSSO BOM SE TORNA MUITO BOM

1. Deus fez bem todas as coisas. Não apenas a luz, as estrelas, tudo. Feliz do homem que pode encontrar prazer em tudo quanto faz. Ele trabalha com a cabeça, trabalho com as mãos, trabalha com os joelhos.

2. Nosso bem se torna em grande bem, quando podemos fazê-lo como um serviço aos outros. Qual o valor da luz que Deus fez?

3. Nosso bem se torna em muito bem, quando é feito até o fim. Bela expressão do evangelho "Amou até o fim". Jesus não parou no meio.Foi até a cruz do amor.


IV - A IGREJA BATISTA DA ESPERANÇA E O NOSSO MUITO BEM

1. Estamos começando. Somos heróis que começamos.

2. Começamos muito bem demais, mas o inimigo há de querer perturbar nosso bem.

"Melhor é o fim das coisas do que o princípio delas" (Eclesiastes 7.8).

Se desejar, deixe o seu comentário abaixo: