top of page

O GRANDE CONVITE DE DEUS AO PECADOR (Isaias 55.6)

Pregado na Igreja Batista da Tijuca (Rio de Janeiro), hoje Primeira Igreja Batista no Andaraí ((RJ) em 07.06.1952

Este capítulo começa com convite evangélico e termina com uma abençoada transformação.

Estamos diante de um dos grandes textos da Bíblia e neste texto milhares de sermões têm sido pregados e milhares de pessoas têm sido salvas.

Consideremos algumas das próprias marcas deste grande texto: "Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto".


I - TEMOS AQUI UM MANDAMENTO - "Buscai ao Senhor".

1. O mundo tem sido caracterizado em sua história por uma busca sem fim. Tomai a história dos homens. Pensai nos "Vikings" de outrora, os homens que, lançando-se no mar em frágeis barcos iam em busca de sensações nunca antes sentidas por outros. Pensai nos portugueses do século XV e XVI que empreendiam as viagens arriscadas em busca de outras terras. Pensai nos heróis portugueses que constituíram um dos mais lindos épicos capítulos de nossa história: a História dos Bandeirantes que deixavam casas, famílias e se embrenhavam pelos caminhos ignotos em busca de ouro e pedras preciosas. Pensai na célebre expedição de Fernão Dias Paes Leme à Serra das Esmeraldas. Quanta caminhada para se buscar esmeraldas que não passavam de pedras sem nenhum valor.

2. Nosso verso não se preocupa com a busca de mera glória; com busca de simples ouro, com busca de simples glória humana. Nosso verso apresenta a suprema busca no supremo convite: "Buscai a Deus"...

1) Não glória.

2) Não simples reformas de códigos.

3) Não às distrações do mundo.

4) Não às religiões da maioria. "Buscai a Deus", não às superstições. Aqui está a suprema busca. Disse um autor moderno: "A diferença fundamental entre a América do Norte e a América do Sul é que a America do Norte foi fundada por homens que buscavam a Deus, enquanto a América do Sul foi colonizada por homens que buscavam ouro. Os homens que buscam a Deus são os verdadeiros construtores do mundo, os heróis da civilização, os verdadeiros felizardos.

Meu amigo, qual tem sido o objetivo da tua vida? "Busca a Deus... busca a Deus... Enquanto tendes tempo, busca a Deus", são as palavras que guardo de uma viagem ao interior do Brasil, quando um grupo humilde cantava a todo tempo esta grande verdade.


II - A URGÊNCIA DO CONVITE E O PERIGO DO ATRASO

1. "Enquanto se pode achar". As companhias de aviação exigem de seus passageiros 30 minutos de antecedência no aeroporto. Um amigo meu contava-me, outro dia, como chegara na hora, isto é, antes do avião sair, mas sem possibilidade de embarcar. O grande convite de Deus traz esta mesma advertência: "Enquanto se pode achar...". Não espereis até que seja tarde de mais.

Dr. George W. Truett – (1867-1944), conta de uma experiência que teve com um patrício seu: "Eu sei que resisti demais. Eu sempre disse amanhã, amanhã... e agora sinto que é tarde demais". O grande pregador terminou antes o sermão. Foi ao seu encontro e por duas longas horas trabalhou com ele. Mas sua resposta era sempre a mesma: "Eu vi muitos serem salvos; eu ouvi muitas vezes mas rejeitei sempre, agora não posso mais sentir em meu coração o amor de Deus". E depois de todo o esforço do pregador, a última frase que ouviu do homem foi: "Senhor, eu sei que estou perdido, mas nada há mais que posa fazer"... Sua cruz, tarde, tarde, tarde...

2. Conheceis a história de Sansão o homem da força descomunal. Houve um dia quando tentou quebrar os laços que o prendiam, mas faltou-lhe força. E foi a sua derrota.

3. Em Lucas 19.41, Jesus é nos apresentado a chorar. Por quê? Por causa da cidade que não soube buscá-lo enquanto era tempo. E as hostes de Tito cumpriram a profecia do Senhor.

4. Agora podeis buscar a Deus. Agora tendes oportunidades. Buscai-o agora. "Águas passadas não movem o moinho". Se perderdes hoje a oportunidade, não culpeis a Deus.


III - O CONVITE TRAZ CONSIGO UMA ORIENTAÇÃO - "Invocai-o enquanto está perto".

1. A oração é a arma mais poderosa que Deus colocou ao alcance do homem. O livro dos salmos está cheio da expressão: "invoquei-o e ele me livrou... na minha angústia clamei ao Senhor e ele me ouviu" - Salmo 120.1. Daniel invocou a Deus nos momentos mais tristes de sua vida. Deus o ajudou. Na mais linda das parábolas de Jesus, temos aquela célebre invocação: "Pai, pequei...", Lucas 15.18-19.

2. Notai a oração do publicano perdoado. Não podia dizer outra coisa senão: "Ó Deus, tem misericórdia de mim, pecador...". (Lucas 18.9-14). E disse Jesus que aquele homem foi justificado para casa.

3. Invocai-O agora, enquanto está perto. Agora é a vossa oportunidade. Durante a Batalha de Gettysburg - Estados Unido, Guerra da Sucessão – (1-3 de Julho de 1863), o capelão e o cirurgião iam passando, quando viram um jovem ferido. Para que vê-lo, exclamou o cirurgião; não há mais esperança para ele. Mas o capelão parou e disse: "quero apenas vê-lo. Lá estava o moço que perdera muito sangue... Mas ainda assim o capelão pôde perceber uma palavra: Presente... Perguntou-lhe, então: Por que diz presente? Em voz sumida o moribundo disse as últimas palavras de sua vida: Porque no céu chamaram e eu simplesmente respondi, presente.

Meus amigos: quereis dizer presente ao chamado de Deus nesta hora quando ele está perto?

Se desejar, deixe o seu comentário abaixo:
bottom of page