O EVANGELHO MARCHA PARA O OESTE (Atos 13.4-5; 14.1-3; 19-23)

No domingo anterior, estudamos como o Espírito Santo escolheu os obreiros no seio da Igreja Primitiva. Hoje vamos ver o trabalho desses obreiros escolhidos. Há três trechos marcados para estudo, todos na primeira viagem missionária de Paulo.


I - O EVANGELHO NA ILHA VIZINHA (13.4-5)

Diz-se que Selêucida podia ser avistada de Antioquia. A distância era de 24 quilômetros. Notemos o seguinte neste texto.

1. Enviados pela igreja ou pelo Espírito Santo? Como podemos saber se foram dirigidos pelo Espírito Santo? Um missionário enviado por si mesmo não resiste à tarefa, mesmo que se esforce muito e mesmo que viva num paraíso.

2. Notemos a direção que tomaram. Foram ao porto de Selêucida e dali para Chipre. Por que? Tomaram o curso da correnteza. Mas, foram também para a terra de Barnabé. Ele conhecia bem o caminho e talvez tivesse amigos a quem queria pregar (4.36).

3. Notar que ele anunciava a Palavra de Deus. Onde? Mostra que havia um grande número de Judeus. A prova é que em 116 D.C., no tempo de Trajano, massacraram 240 mil gregos. Adriano, imperador, revidou mais tarde o ataque e expulsou os judeus.

4. João, o auxiliar. Talvez no trabalho de diácono.

Antioquia; Selêucida; Pafas; Panfília; Antioquia da Psídia (Sermão de Paulo em Icônio).


II - O EVANGELHO NO CONTINENTE (14.1-3)

1. Chegaram juntos (verso 1). Quem? Quem? Barnabé e Paulo? (13.2-7). Não, mas Paulo e Barnabé (13.9-13). Paulo, pequeno; talvez para contrastar com o tamanho físico de Barnabé.

2. Grande sucesso, mas aguardem as tormentas. Vigiai, é ordem santa, vigiai em oração.

3. No verso 2 vemos os judeus incrédulos. Judeus que compreendiam mas rejeitavam.

4. Seu trabalho continuou. Por que é Barnabé chamado apóstolo? No sentido de enviado e não no sentido primitivo. O crente tem de enfrentar a oposição, se não a enfrenta é porque sua fé precisa força.

Ai fugiram para Listra (notar verso 6), seria a terra de Paulo. Em Listra, cura de um coxo... quase adorados (Paulo pregava (notar verso 18.) Verso 19 oposição, Paulo apedrejado tido como morto.


III - FORTALECENDO O TRABALHO FEITO ( 14.10-23)

Texto Áureo: Atos 14.27


Encontramos aqui a oposição florescendo outra vez, agora com inimigos decididos ainda mais. Viajaram 136 milhas para trazer a controvérsia e a divisão na obra de Paulo.

1. Alguém diz que aqui Paulo adquiriu as marcas de que falou mais tarde em sua carta aos Gálatas. Notemos que os judeus acharam apoio do povo.

2. Como muda a raça humana... Quais adorados agora quase mortos. Dizem que talvez porque rejeitassem a adoração.

3. O Senhor o ajudou na cura: 2Coríntios 11.23-33; 2Timóteo 3.11. No dia seguinte partiu para Derbe.

4. Depois de assim fazer discípulos, eles voltaram dando-lhes uma mensagem de ânimo. John Wesley (1703-1791); George Whitefield (1714-1770) não tanto.

5. Elegeram alguém para tomar conta do trabalho... por comum consentimento, não arbitrariamente.

Se desejar, deixe o seu comentário abaixo: