O CASAMENTO QUE DESEJAMOS – PARTE 2

(Leia aqui a "Parte 1", para melhor compreensão do sermão)

SENTIDO BÍBLICO DO CASAMENTO (Gênesis 1.12, 18, 21 e 31).

VIII – Suas ambições maiores 1. Considera suficiente o grau de educação acadêmica 2. Trabalha sempre ou é preguiçoso 3. Tem alvo de conquista ou se acomodou 4. Sente-se intimamente motivado e desafiado 5. Preferiria ter recebido a fortuna ou trabalho pela conquista 6. Prefere arranjos ou esforço e luta pelo sucesso 7. Tem gosto semelhante ao do companheiro no que respeita a móveis e arranjos da casa 8. Sente que o dinheiro é que marca o sucesso ou a conquista pelo trabalho 9. Coloca evidência demasiada em seu trabalho 10. Ambiciona pertencer a dois ou mais clubes 11. Acredita que uma casa bem cuidada é importante 12. Contempla o futuro em termos do casal ou de sua ação isolada 13. Aprecia cortar grama no quintal

IX – Filosofia referente ao dinheiro 1. Estuda o custo das coisas 2. Procura viver dentro de um orçamento 3. É egoísta 4. Guarda o dinheiro avaramente 5. Pode planejar o gasto do mês 6. Ajuda outros em suas necessidades 7. Considera o dízimo parte do seu orçamento 8. Pratica o dízimo em todas as coisas 9. Pensa em conseguir segurança financeira para emergências 10. Gasta mais em si ou em nós

X – Nossa vida sexual 1. Considera o ato sexual importante 2. Pensa somente na satisfação própria durante o coito ou pensa no seu companheiro 3. É carinhoso em todo o processo sexual ou apenas preocupado no ato em si 4. Considera o ensino da Bíblia sobre o sexo 5. Acredita em aborto 6. Acredita em ato sexual fora do lar 7. É exigente demais ou compreende que vez o outra o parceiro não está em condições de manter o ato sexual 8. Usa a leitura de revistas condenáveis no setor da moral 9. Usa o sexo para conseguir o que deseja 10. Tem maior apetite sexual ou menor que o companheiro

XI – Nossa vida religiosa 1. Temos fé pessoal em Jesus Cristo 2. Gostamos de participar de todos os cultos 3. Cremos na leitura bíblica e na oração 4. Praticamos a oração 5. Somos membros da mesma igreja 6. Vivemos fora da igreja como na igreja 7. Temos criticismo à igreja em alguma coisa 8. Somos concordes em nossa maneira de crer 9. Discutimos a religião 10. Gosta da vida social da Igreja 11. Evita comentar assuntos de igreja em casa

XII – Nossa relação conjugal na família 1. Nos amamos mutuamente 2. Conversamos sobre nossos problemas 3. Procuramos conhecer necessidades íntimas 4. Sou ouvida enquanto falo 5. Reajo com amor a problemas muitos 6. Tento modificar hábito que detesto 7. Depende demais de mim 8. Usa-me para seus próprios fins 9. Tenta dominar e controlar meus sentimentos 10. É ciumento e dominador 11. Acha que devo proceder de modo diferente 12. Aceita-me como sou e ama-me.

XIII – Conceitos de casamento 1. Somos iguais no relacionamento conjugal 2. Não temos planos para o futuro 3. Cremos que o problema conjugal é solucionável 4. Não admitimos que pai ou mãe façam decisões por nós 5. Estamos prontos a sentar e conversar 6. Temos alegria na família de nosso companheiro 7. Não consideramos casamento como sacrifício à liberdade pessoal 8. Podemos dividir responsabilidades 9. Queremos permanecer unidos até que a morte nos separe 10. Sentimos um grande futuro pela frente 11. Cremos poder crescer no casamento

CONCLUSÃO: “ As mulheres sejam submissas a seu próprio marido, como ao Senhor. Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou à Igreja e a Si mesmo se entregou por ela” (Efésios 5: 22 e 25).

Se desejar, deixe o seu comentário abaixo:

© 2018 Família David Gomes - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido e customizado por MTV Developer - RJ/Brasil

Créditos e Gratidão