TESOURO E PÉROLA NA REVELAÇÃO DO REINO DE DEUS (Mateus 13.44-46)

O preço do Reino.

Temos duas histórias de Jesus, com a finalidade e plano de demonstrar uma só verdade. As duas histórias foram tiradas da vida.

Naqueles tempos de longe era costume se conceder algo, tendo em vista proteger do roubo e da cobiça. E Jesus deveria ter visto muitas caravanas de comerciantes que vendiam pérolas. O diamante era pouco conhecido no tempo, mas as pérolas eram disputadas.

A mente dos ouvintes de Cristo; foi enriquecida com as mensagens que lhe dera.

DUAS HISTÓRIAS E DOIS ENSINOS

Dois tipos de classes humanas:

- O homem que trabalha no dia a dia de uma rotina.

- O homem que comercia e sai para realizar os seus negócios.

Jesus queria poder ilustrar aquele que nasce no ambiente cristão, sentindo as influências e atividades da igreja e o que ouviu falar mais tarde.

O tesouro foi encontrado pelo homem, sem que fosse procurado. A pérola foi procurada longamente. Foi o curso de alguém que se preocupava com aquele tipo de valor. Quantos homens existem que encontram o Evangelho quase que por acaso.

Ornelo, um dos maiores crentes que conheci, na sua vida cristã curta e bela, declarou: Estou à procura de uma igreja de Jesus pelos anos da minha vida, e hoje foi a primeira vez que ouvi alguém falar dessa igreja.

DUAS HISTÓRIAS PARA ILUSTRAR ,O MESMO VALOR

Jesus estava falando de valores: O tesouro. Que tesouro seria aquele? Um saquitel de pedras preciosas, um garimpo de valor? Qual o valor da pérola? Sabemos apenas que o negociante só se contentava com pérolas e encontrou uma que ia além de todas as demais que vira antes.

Jesus é simbolizado em uma outra parábola. Em Filipenses 3.8, Paulo fala da pessoa de Jesus como aquele que valia por todos os seus títulos e conquistas.

Os discípulos deixaram tudo para seguir a Jesus. Muitos dos que se encontraram com Jesus, passaram a divulgar Sua Pessoa e seu poder por todos os cantos.

O PREÇO REQUERIDO DO HOMEM À POSSE DE JESUS

Observe-se que o homem que encontrou o campo se tornou motivado a possui-lo pela alegria que o encontro lhe revelou. Mas ele não sabia que havia um tesouro ali.

No Nepal, país eminentemente pagão, uma menina recebeu um folheto bem impresso com uma mensagem bíblica. Começou a ler e se apegou ao folheto. Seu pai se incomodou. Ameaçou agredi-la, forçando-a a rasgar o folheto no que ela não consentiu. Naquela noite, o pai trabalhou até mais tarde e quando veio na direção do quarto observou que a filha dormia com uma calma e um sorriso que lhe perturbara. Sorrateiramente apanhou o folheto. Na manhã seguinte, logo cedo, pediu perdão à filha pela impaciência do dia anterior. Ele havia descoberto o que nunca pensara. Aquele folheto se tornou o seu tesouro. Hoje a família é coluna no Nepal.

O que descobriu o terreno vendeu tudo quanto tinha para possuir o tesouro. Ele o fez voluntariamente. O negociante de pérolas vendeu todas as outras boas pérolas que possuía para compor o preço da pérola mais valiosa.

JESUS É MELHOR DO QUE TUDO QUE TENS

Rapaz que procurava Cristo e não o encontrava. Seu pastor mudou de igreja e anos mais tarde voltou para conferências e o encontrou ainda procurando. Em conversa formal, depois do culto, o pregador disse: Você está à procura de Cristo e não parou para pensar que Cristo o está procurando!

O Filho do homem veio buscar. Você está procurando alguém que o procura há muito tempo. Ele por fim aceitou a Cristo. Chorava, não de remorso, mas de alegria.

Se desejar, deixe o seu comentário abaixo: