top of page

LOUCURAS DA IDOLATRIA (2Timóteo 4.1-5)

Sermão proferido na Igreja Batista da Tijuca, atual Primeira Igreja Batista no Andaraí (RJ), em 07.06.1957

Estamos contemplando na cidade do Rio de Janeiro, famosa por suas praias, montanhas, jardins, bem como imoralidade e jogatina. Estamos contemplando um dos espetáculos de idolatria que se tem memória em nossa cidade. Não discutiremos o assunto proposto como mero acidente e combate à igreja apóstata, mas com a profunda finalidade de enfatizar a necessidade de Deus para corações ansiosos.


I - IDOLATRIA É LOUCURA EM VIRTUDE DAQUILO QUE EXALTA

1. Que é um ídolo? Fundamentalmente ídolo é vaidade. Vulgarmente ídolo é uma imagem de madeira, gesso, marfim, ouro ou prata que se venera ou cultua e adora. Aquele que adora o ídolo ou que o venera, ou que o cobre de flores e de homenagens, está cobrindo de flores alguma coisa que é menor do que ele mesmo.

2. Quando Moisés demorou-se no Monte na presença de Deus, o povo deu seus brincos e broches para que Aarão lhes fizesse um boi. Era o bezerro de ouro.

3. Entre os adorador4s de Baal era comum entregar a Baal um filho primogênito que era queimado nos braços ardentes do ídolo.

4. Nos dias de Jeremias se exaltava uma tela de rainha do céu, que era a divindade fenícia chamada Astarte - Jeremias 7.18.

5. Na idolatria se exalta velas, foguetes, bombas, luzes, incensos, ornamentos... o coração permanece letárgico e vazio.


II - IDOLATRIA É LOUCURA POR CAUSA DO QUE DESPREZA.

1. Tomemos os adoradores de Fátima. Qual o seu culto? A virgem de Fátima? Não, mas a imagem da Virgem de Fátima. Se Maria tivesse aparecido em Fátima, o culto não lhe seria atribuído mas a imagem, ao retrato. Destarte o culto idólatra renega o objetivo espiritual para enfatizar o material.

2. Dificilmente um adorador da imagem de Fátima teria coragem de ler nos evangelhos a história verdadeira de Maria.

3. O idólatra despreza o criador para louvar a criatura. Nos cultos desses dias não há louvor a Deus. Há louvores à imagem... "Salve Nossa Senhora... Salve, imagem de Fátima"...

4. O idólatra despreza o eterno pelo transitório... o adorador do dinheiro... o adorador do ídolo... o adorador das paixões... dos ídolos de futebol. Troca o eterno valor do culto espiritual pela passageira sensação das festas materializadas.

5. Troca a bênção da graça pela maldição da carne enfraquecida. Despreza um Calvário parta glorificar Fátima, Lourdes, Bonfim.


III - LOUCURA POR CAUSA DO QUE PRODUZ

1. Quais os frutos da idolatria? Alguém mencionou uma jovem que perdeu uma das mãos com uma bomba em honra a Fátima, na semana passada. Outro teve uma briga e viu o perigo a que ficaram seus filhos. Outro saiu para ver a santa e foi roubado em tudo o que possuía.

2. A idolatria produz as maiores mentiras para manter o prestígio. Ela exalta as fábulas. Tudo na idolatria é fantasioso.

3. A idolatria anula a capacidade de pensar do seu cultuador. Leiamos o Salmo 115. Ele passa a cultuar e adorar aquilo que ele mesmo fez. Isaias 44.9-16; 45.20.

4. A idolatria cria intolerância, atraso, superstição, lucro fácil, ilusão quanto à vida eterna.


IV - VOLTA ÁS FÁBULAS

Alguém me ofertou uma Noite Ilustrada contendo o nascimento próximo de Jeová... Imagem de cera... Uma foi curada porque sonhou com Fátima... O povo vai a Urucânia (cidade mineira), a Coqueiros (cidade do Sul).

Nesta hora de incertezas deixo convosco Isaias 45 verso 22. Que possais olhar para o Deus verdadeiro e serdes salvos.

Se desejar, deixe o seu comentário abaixo:
bottom of page