JESUS CRISTO, SUPREMO LIBERTADOR (João 8.32)

JESUS CRISTO, SUPREMO LIBERTADOR

João 8.32

Pastor David Gomes


26 de Janeiro de 1948, libertação da Birmânia. A proclamação ocorreu às 4.30 da manhã por determinação dos astrólogos, Aquela hora matutina se transformou na mais feliz hora de toda a história da nação. Milhares de pessoas saíram às ruas: “somos livres, somos livres”. A nação continua com muitos problemas, principalmente para os seguidores de Jesus.

I – A PERSONALIDADE DO LIBERTADOR


1. Livre, completamente livre. Certo homem fala da história do cão libertado. O outro cão estava gordo e bonito, mas o cão libertado feio e mago. O cão gordo chama o outro para seguir seu exemplo. Que marca é essa no seu pescoço? Ah, são as correntes. Bom, prefiro ser magro e livre a ser gordo e preso a correntes.

2.Tiradentes (1746-1792) teve o ideal de liberdade. Filipe dos Santos (1680-1720) também. Um morreu enforcado e o outro arrastado pelos cavalos ferozes.

3. Jesus tem boa vontade: ”Quero, sê limpo”, foi sua resposta a mendigo leproso (Mateus 8.1-4).

4. Comissionado pelo Pai com a tarefa de libertar (Lucas 4.18).


II – OS MÉTODOS DE JESUS COMO LIBERTADOR

1. Tiradentes se reunia em secreto. Simão Bolivar (1783-1830) pelas insurreições, agora as guerrilhas.

2. Jesus, método universal. Arrependimento e fé para todos (Lucas 13.1-3).

3. O médico terreno pode enganar, Jesus não engana no diagnóstico.


III – A EFICÁCIA DE JESUS COMO LIBERTADOR

1. Liberta de dentro para fora. O maior escravo do homem é o pecado. Jesus liberta o coração do pecado.

2. Jesus liberta o homem todo. Livre de tudo pelo novo nascimento.

3. Liberta da escravidão religiosa.

4. Charles Spurgeon (1834-1892) prefiro servir a Cristo a um pretenso sultão tirano. A verdade quebra os grilhões da tirania religiosa.

5) Liberta do ódio. No mundo moral governamos a nós mesmos. Na vida imoral somos governados por nossas falhas e paixões (Charles Wagner 1852-1918).

6) Liberta e dá poder. Chico Rei veio da África para o Brasil. Decidiu comprar sua liberdade. Comprou a liberdade do seu filho. Foi comprando a liberdade de cada membro de sua tribo. Foi reconhecido pela tribo como rei, mas não se libertou das superstições.

Se desejar, deixe o seu comentário abaixo: