“QUERES FICAR SÃO”

João 5.2-18

 

           Estamos certos de que o trecho que acabamos supra servirá de consolo para muitos corações. Quantos de nossos queridos leitores e alunos estão sofrendo de pertinaz moléstia, alguns já de muitos anos! Mas talvez não haja um sequer que esteja sofrendo há 38 anos. Pois bem, anotemos de inicio o consolo desta verdade: Depois de 38 anos de dor ainda houve esperança e cura por meio de Jesus. Em segundo lugar, notemos que o enfermo estava desesperançado de homens; mas confiou em Jesus no momento próprio. O texto não diz que aquele homem tivesse vindo àquela estância mineral por 38 anos, mas que ele se encontrava ali depois de 38 anos de experiência vã. Ao ver o Mestre e ao ouvir-lhe a voz poderosa e amiga respondeu o paralítico: “Senhor, não tenho homem algum que me ajude”... Mas, graças a Deus que agora o paralitico que não tinha homem, estava diante do Deus-Homem, do misericordioso amigo de todos quantos creiam no seu nome. Possivelmente teremos em nosso imenso auditório, nesta hora, alguém que responda de igual maneira: “Não tenho homem que me ajude”... Lembre-se, amigo, Jesus é o amigo de todas as horas e Ele nesta hora poderá ajuda-lo. “Queres ficar são”? Eis a pergunta que ainda aflora dos lábios de Jesus aos sofredores espirituais e mesmo físicos de todo o mundo.


            Notemos, agora que o homem confiou em Jesus e na palavra. Desesperançado dos homens ele creu em Jesus. A palavra do Mestre para que levantasse e carregasse a cama foi obedecida sem tergiversação. Não fez uma pergunta sobre ou quando. A fé verdadeira não discute métodos ou meios, mas obedece. Aquele que crê em Deus, realmente, não discute métodos e esta é a razão porque a Abraão sendo chamado obedeceu e saiu sem saber para onde ia. A razão porque muitos hoje não conseguem os benefícios espirituais que procuram é porque não exercem essa fé sem condições. E Jesus não se agrada daqueles que procedem assim. João Batista era de tal maneira crente em Deus que podia dizer com convicção de alma: “E vos digo que mesmo destas pedras Deus pode suscitar filho de Abraão” (Mt 8.9).


             Foi esta a fé do paralítico. Ele obedeceu a Jesus sem duvidar um só minuto. O resultado foi sua cura permanente. Jesus não os curou como certos milagreiros, mas curou-o para sempre.


             Para contradição, entretanto, a cura do homem que lhe causara tanto bem, causou tanto mal aos judeus. Para eles era mais importante guardar o sábado do que curar um homem. Era mais importante a letra da lei, que o bem estar social. É o que ainda hoje fazem muitos que desrespeitam a lei do país para não desrespeitar a letra da lei. Desprezam o espírito da lei e tornam-se escravos da mesma. Muitas vezes não são escrupulosos em suas relações, não são afáveis, evangelizadores, piedosos, mas são como os fariseus. Escravizam-se à letra e perecem com ela. Vale a pena ler o restante do capítulo para observarmos a perseguição desfechada contra Jesus por fazer o bem. E o importante é que o homem curado nem ficara sabendo o nome de seu bem- feitor. Jesus não curava para ser visto ou louvado pelos homens. Agora nós o encontramos no templo. Talvez tivesse ido ali para agradecer a Deus a sua cura. Ele nem sabia onde Jesus estava, mas sentia em sua cura a própria intervenção de Deus. Jesus que não o perdera de vista exorta-lhe dizendo: Estás bom; não peques mais para que não te suceda coisa pior... Poderia haver alguma coisa pior que 38 anos de sofrimento? Sim, porque haverá uma eternidade de dor, separados de Deus, para todos aqueles que rejeitarem o convite do seu amor.


            Meus amigos; ali estava uma alma aflita que foi consolada por Jesus. Ali estava um físico arruinado pelo pecado, que fora restaurado por Jesus. Ali estava um desesperançado, que foi socorrido por Jesus. Sim, porque o próprio Jesus definira sua missão ao dizer: “Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância”.


            Meu querido amigo que ainda não encontraste vida em Jesus, queres recebe-lo hoje? O escritor de Hebreus afirma que Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e para sempre. Ele poderá, pois, curar a tua alma e, segundo a sua vontade curar também o teu físico. Aceitas hoje o apelo que Jesus faz ao dizer: “Queres ficar são”? Se aceitas, escreva-nos hoje mesmo, dando nome e endereço e nos comprometemos a orar a teu favor e ajudar-te com os meios espirituais para tua vida.

EM: A VOZ DA ESCOLA BIBLICA DO AR
Ano II – Março de 1954 – número 7 
Pastor David Gomes
 

Compartilhar
Twitar
Google+
Please reload

Se desejar, deixe o seu comentário abaixo:

© 2018 Família David Gomes - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido e customizado por MTV Developer - RJ/Brasil

Créditos e Gratidão